LIBERDADE DE OPINIÃO

O objetivo desse blog não é criticar negativamente as crenças e conceitos de outrem. É um exercício de reflexão com o mais puro sentimento de liberdade e de amor ao próximo. São textos de um mero estudante descobrindo o universo que vivenciamos.



domingo, 26 de setembro de 2010

CRISTIANISMO ZEN

O livro de William Johnston chamado Cristianismo Zen, editado pela Editora Cultrix, foi quem me ajudou a fazer a transição de uma cultura católica para uma visão mais mística da vida. A sabedoria contida nele me permitiu perceber a vida de uma forma diferente.

Segue alguns pontos importantes que pude tirar de seus textos e entender um pouco o Zen:

  • ·         Controle da postura;
  • ·         Controle da respiração;
  • ·         A oração com a ausência de imagem;
  • ·         A renúncia, quando em meditação, dos maus como dos bons pensamentos, como uma forma de educar a mente;
  • ·         Importância de um retiro (Sesshin) para a prática do silêncio;
  • ·         Existência de um líder chamado Roshi Zen de tal forma importante quanto um pastor ou padre católico;
  • ·         Há sempre explanações de orientação espiritual denominada dokusan no Zen, privadas;
  • ·         Há sempre explanações públicas (Teishos); O Zen é um caminho que está presente em todas as religiões;
  • ·         Domínio da arte do diálogo, pois vivemos de relacionamentos;
  • ·         Percepção que Deus desaparece quando estamos unos com ele, pois não existe mais dualismo.

São tantos os conteúdos que podemos destacar do livro, inclusive as analogias que o autor faz em relação aos temas bíblicos. Mas por fim, termino com o Koan como sendo uma paradoxal interrogação que obtemos resposta através da meditação.

Fernando Monteiro, 26 de setembro de 2010.

Um comentário:

  1. Achei de todos os itens o mais significativo o desparecimento de Deus quando estamos unos com Ele. Isso é maravilhoso. A discussão estéril sobre a realidade ou fantasia da existência de Deus desaparece pela vivência dessa união. Muito bom. É isso.

    ResponderExcluir